Quantcast
NOTÍCIAS DO SPORTING CLUBE DE BRAGA
You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free today.
NOTÍCIAS DO SPORTING CLUBE DE BRAGA
14071 Respostas
855025 Visualizações
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 27928
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3460 em: 23 de Janeiro de 2021, 18:20 »
despirto.sapo.pt

Os 'onzes' prováveis do Sporting e Braga para final da Taça da Liga


O Sporting defronta, este sábado, o Braga na final da Taça da Liga, a partir das 19h45.

O Sporting e Sporting de Braga, vencedores das últimas edições da Taça da Liga de futebol e ambos com dois troféus no currículo, protagonizam hoje uma final inédita da competição, depois de terem eliminado FC Porto e Benfica, respetivamente.

O SAPO Desporto avança com as equipas prováveis de Rúben Amorim e Carlos Carvalhal para a final inédita desta noite.

Sporting: Adán; Gonçalo Inácio, Coates e Feddal; Pedro Porro, Palhinha, João Mário e Nuno Mendes; Pedro Gonçalves, Tiago Tomás e Nuno Santos.

SC Braga: Matheus; Esgaio, Tormena, David Carmo e Sequeira; Castro e Al-Musrati; Ricardo Horta, Fransérgio e Galeno; Paulinho.


em: https://desporto.sapo.pt/futebol/taca-da-liga/artigos/os-onzes-provaveis-do-sporting-e-braga-para-final-da-taca-da-liga
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 27928
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3461 em: 23 de Janeiro de 2021, 18:29 »
tribunaexpresso.pt

A final da Taça do 3-4-3

De repente, parece que só há 3-4-3 no futebol português: o Sporting de Rúben Amorim e o Sporting de Braga de Carlos Carvalhal já jogavam assim, o FC Porto de Sérgio Conceição e o Benfica de Jorge Jesus replicaram o sistema para defrontar os rivais. Porquê? A explicação envolve encaixes táticos (não se preocupe, isto está escrito em português e não em ‘tatiquês')


Às tantas, algures no Sporting de Braga-Benfica, começámos a vê-lo na mão do treinador que estava privado da sempre preciosa assistência dos seus adjuntos: Jorge Jesus pegou num quadro tático (provavelmente desta empresa portuguesa que já os fornecia ao treinador quando ele ainda estava no que diz ser o melhor campeonato do mundo) e ia ajustando, íman a íman, presumivelmente, o que ia vendo em campo, já que o Benfica, ao contrário do que é habitual, jogou em 3-4-3 perante o Braga, que também joga em 3-4-3.

No dia anterior, na outra meia-final da Taça da Liga, o cenário tinha sido semelhante: perante o 3-4-3 habitual do Sporting de Rúben Amorim, Sérgio Conceição - também com ausências de peso no onze habitual, assim como o Benfica - decidiu responder na mesma moeda, ajustando o FC Porto também para um 3-4-3.

De repente, o 3-4-3 invade o futebol português em força. Para ficar? Nem por isso, profetizaria.

Pensemos assim: é uma ação mais simples esculpir uma estatueta ornamentada, cheia de detalhes entalhados até ao pormenor; ou pegar num martelo e dar-lhe uma marretada?

Na Liga portuguesa, a tendência dominante nos jogos de grande equilíbrio, como é o caso dos anteriores, não é tentar buscar (ou criar) buracos na estrutura do adversário para atacá-lo de forma mais ponderada e eficaz; ao invés, primeiramente, tenta-se impedir que esse mesmo adversário ataque com sucesso, anulando o espaço disponível para tal (e então depois, quando ele aparece, lá se tenta aproveitar).

E é aqui que entra o 3-4-3.

Voltando ao início: é através do quadro tático que tudo começa, ainda que seja importante ressalvar que nem tudo se pode explicar por aí, porque o futebol é jogado por seres humanos e não por ímanes (ou bonecos, se quiser tentar pôr as suas ideias em prática aqui), e os humanos têm esta particularidade de terem emoções e de se cansarem, o que influencia fortemente o jogo jogado. Seja como for, a base está no quadro tático porque é nele que os treinadores antevêem onde está o espaço, quando há um sistema contra outro, a atacar e a defender, e percebem onde encaixa cada um dos jogadores.

Ora, para jogar contra um 3-4-3, primeiro há que saber que ele existe nesse formato enquanto as equipas atacam (ou seja, quando estão em organização ofensiva) e mesmo aí, como consequência das dinâmicas criadas, os números são sempre moldáveis: basta pensar que se os dois avançados/extremos da frente baixarem em apoio, podemos pormenorizar o sistema como 3-4-2-1, por exemplo, mas se for o avançado a fazê-lo, passamos a um 3-4-1-2, ou até mesmo um 3-5-2. Tudo depende daquilo que é observado como padrões de ação em cada uma das equipas, porque há, obviamente, dinâmicas que são muito mais frequentes do que outras.

Pegando nas meias-finais e no Sporting e no Braga como exemplos, já que ambos assumem o 3-4-3 desde o início da época (ainda que Carvalhal não goste muito de se guiar por sistemas) temos então mais atrás, além dos respetivos guarda-redes, Adán e Matheus, três defesas, que habitualmente são centrais de origem, mas que também podem ser laterais, como é o caso do canhoto Sequeira no Braga, que joga mais à esquerda, acompanhado por Carmo e Tormena; no Sporting, o canhoto Inácio jogou à direita, dada a ausência de Neto, acompanhado pelos habituais Coates e Feddal.

Fernando Veludo

No meio, dois médios, que tanto podem andar a par, como é mais prevalente no Braga, com Castro e Al Musrati, já que no Sporting, desde a incorporação de João Mário, há mais tendência para o 1+1, ou seja, Palhinha normalmente mais atrás e João Mário mais solto, sendo certo que há quase sempre um preocupado com o equilíbrio ofensivo (ou seja, quando a equipa está a atacar já no meio-campo adversário, mantém-se atrás da linha da bola, como cobertura). Nos corredores, dois alas, que personificam um híbrido de lateral com extremo, uma vez que tanto aparecem na área para assistir os colegas e finalizar ao segundo poste, como fecham lá atrás no setor defensivo, junto aos centrais - Porro e Antunes no Sporting (Nuno Mendes é o titular habitual no corredor esquerdo), Ricardo Esgaio e Galeno (um ex-extremo, que também já jogou integrado nos três da frente) no Braga. É essencial ressalvar que, neste 3-4-3, ao contrário do que acontecia no 3-4-3 de Johan Cruyff no Barcelona, por exemplo (ou ao contrário do que às vezes monta Pep Guardiola no City), os alas não são médios, no sentido em que não se intrometem no corredor central: tanto no Sporting como no Braga, são jogadores de corredor lateral, que dão amplitude e profundidade à equipa, precisando obviamente de muito andamento para fazê-lo, assim como de aptidão para entrar em situações de 1x1, dada a frequência com que recebem a bola de forma mais isolada, após as rápidas variações de corredor lateral para corredor lateral.

Mais à frente, três avançados - ou um avançado e dois extremos, como se preferir designar - buscando espaço onde ele existir: ou atrás do setor defensivo adversário, caso esteja alto no campo (ou seja, mais próximo da linha do meio-campo), ou entre linhas, caso o setor defensivo esteja mais baixo no campo e afastado do intermediário (sendo importante notar que as tentativas de desmarcação de rutura efetuadas pelos avançados, mesmo quando a bola não se dirige a elas, são essenciais para provocar a defensiva adversária a baixar e, por consequência, criar espaço em apoio) - e aqui temos Pedro Gonçalves, Tiago Tomás e Nuno Santos no lado do Sporting e Ricardo Horta, Ruiz (o habitual titular é Paulinho, que mescla com grande sucesso os apoios frontais com as desmarcações de rutura) e Fransérgio (ou Iuri, dependendo dos adversários).

Depois, a defender, a estrutura adotada normalmente é outra bem diferente, porque são muito raras as equipas que arriscam deixar apenas três elementos na linha mais recuada, já que isso pode permitir igualdade numérica ao adversário: por exemplo, ao jogar contra um 4-3-3. Assim sendo, o sistema habitualmente adotado aquando do primeiro momento de pressão (ou seja, quando a equipa adversária sai a jogar) é o 5-2-3, já que permite ter três jogadores na frente a dificultar a construção adversária, ao mesmo tempo que tem os alas a recuar para a linha defensiva, deixando apenas os médios no setor intermédio.

O encaixe inicial de um 3-4-3 perante um 5-2-3 Tribuna Expresso

Isto bloqueia de forma muito eficaz a largura do campo numa zona mais defensiva, dificultando aí as entradas do adversário em criação de ataques, mas também tem o seu revés, ao permitir mais espaço do que seria desejável na zona intermediária, nas laterais dos médios - é por isso que, o Braga, quando vê a sua primeira pressão ultrapassada, habitualmente reagrupa em 4-4-2, mas o Sporting, quando é necessário fechar o bloco de forma mais contundente, em zonas mais baixas, passa a um 5-4-1, com os dois extremos a descerem para a linha dos médios.

A mudança de Sérgio Conceição e Jorge Jesus

A explicação para a mudança de sistema de FC Porto e Benfica, para os respectivos jogos, é fácil de explicar: encaixes táticos. Com ambas as equipas a terem várias baixas nos onzes, os treinadores pareceram optar por priorizar o impedimento do adversário, ao invés de ressalvar a própria criação, mimetizando assim o espaço ocupado por outrem.

Concretizando a explicação: perante uma equipa que constrói com três defesas atrás, uma equipa que pressione com dois avançados à frente - supondo que estaríamos a pensar no 4-4-2 de portistas e benfiquistas - estaria sempre em inferioridade numérica, o que poderia dar mais conforto à primeira fase de construção do adversário e mitigar os riscos de tal saída de bola.

O possível encaixe inicial entre 3-4-3 e 4-4-2

Ora, havendo um 3-4-3 contra um 5-2-3, verificamos que a disputa da linha mais recuada da primeira equipa com a linha mais adiantada da segunda equipa passa a formar-se em igualdade numérica: 3x3 (nota adicional para o facto da presença do guarda-redes permitir constantemente superioridade numérica; mas a maioria das equipas não gosta muito de arriscar ao integrá-lo nessa construção; e também é certo que quem pressiona muitas vezes não salta ao guarda-redes, para manter o emparelhamento inicial e impedir a progressão limpa). Assim sendo, está criado o primeiro pressuposto para fechar o espaço de construção ao adversário.

A pergunta que se poderia seguir é esta: mas o 4-3-3 não vai dar ao mesmo, tendo também três jogadores na frente? Olhando para o quadro tático, percebemos onde está a diferença: sim, haveria igualdade numérica nesse confronto, mas o problema poderia surgir no setor defensivo. Com apenas quatro elementos atrás, a equipa que defende poderia ter mais dificuldades em suportar as infiltrações na sua linha, dado que quem ataca em 3-4-3 não só tem três jogadores à frente - hipoteticamente, um avançado entre os dois centrais; e ambos os extremos no espaço entre centrais e laterais - como ainda tem os alas a tentar irromper pelos corredores laterais, alargando o campo à sua amplitude máxima e formando, em teoria, um 5x4.

O encaixe inicial de um 3-4-3 vs 4-3-3 Tribuna Expresso

Ora, montar um 5-2-3 contra um 3-4-3 faz com que os problemas previamente enunciados simplesmente desapareçam, porque, por natureza, ambos encaixam perfeitamente um no outro, com cada jogador a ter um adversário direto exatamente no mesmo espaço que ocupa. Assim sendo, os duelos passam a prevalecer nas várias zonas do campo e, evidentemente, dificultam a vida a quem prefere jogar de trás para a frente, ligando todos os setores e subindo a equipa em bloco.

Foi isso que se viu nos jogos já enunciados e é isso que se vai ver, novamente, no Sporting-Sporting de Braga, encaixe que também já foi comprovado no início de janeiro, quando a equipa de Amorim recebeu a equipa de Carvalhal em Alvalade. Nessa altura, o Sporting venceu por 2-0, num jogo que foi tão equilibrado como se esperava e que deve servir de exemplo para o que teremos na final da Taça da Liga.

Com duas equipas tão perfeitamente encaixadas uma na outra, há três formas de desencaixá-las

A primeira, mais fácil de explicar, é a sorte (que Rúben Amorim tão bem admitiu na sua antevisão): às vezes, o equilíbrio desfaz-se apenas porque um jogador escorregou, ou uma bola embateu no poste e outra não, ou, por outro lado, porque há uma distração momentânea (a estagnação do experiente Pepe aquando do alívio de Mbemba no segundo golo do Sporting parece comprová-lo).

A segunda, mais difícil de quantificar, é a qualidade individual de cada jogador: havendo mais duelos, estes podem ser conquistados pelo físico (nas bolas aéreas, os sportinguistas raramente se superiorizavam aos portistas), ou pela criatividade dos artistas que tiram coelhos da cartola. Sendo que esta não se define somente pela capacidade de drible, mas por outros pormenores essenciais em jogos com tão pouco espaço, como a capacidade de receber bolas com souplesse invejável no meio de vários adversários, como acontece nos casos de Ricardo Horta e Pote, habituados a baixar para tentar receber de forma orientada para a baliza adversária - o que nos leva à terceira forma.

Pegando no exemplo anterior, havendo Pote ou Ricardo Horta a receber entre linhas, em frente ao setor defensivo adversário e enquadrados para a baliza adversária, é tão certo como um mais um ser dois que os colegas do ataque vão iniciar desmarcações de rutura para as costas dos defesas adversários, e é igualmente certo que os defesas adversários vão rapidamente tentar retirar esse espaço na profundidade, baixando o seu posicionamento. Isto são dinâmicas coletivas, ofensivas e defensivas, que são trabalhadas diariamente pelas equipas e que são o que lhes permite terem comportamentos facilmente identificáveis pelos colegas, quando há determinados estímulos a ocorrer no jogo.

E será também o grau de predominância destas dinâmicas coletivas no jogo a definir quem se irá superiorizar ao adversário. Para encontrar espaço e desposicionar as defesas adversárias, terá de haver variabilidade de movimentos ofensivos, particularmente dos avançados, tanto em apoio como em rutura, assim como rápidas variações do centro do jogo, à largura e à profundidade, para obrigar quem defende a fechar mais de um lado, ou mais dentro, e depois quem ataca pode aproveitar para entrar mais pelo outro lado, ou por fora.

Mais ainda, se se procurar desfazer o emparelhamento de 3x3 na primeira disputa, seja através da presença mais evidente do guarda-redes, ou através do recuo de um ala, por exemplo (se não trouxer adversário com ele, recebe só e de frente para o jogo; se trouxer pressão com ele, abre espaço mais à frente para os avançados), a construção poderá ser beneficiada e favorecer quem a tenta, ao invés de serem repetidas frequentemente as bolas longas em direção ao corredor lateral, à procura do avançado.

Ainda assim, estes movimentos podem ser contrariados por uma equipa competente defensivamente, como foi o caso do Sporting no jogo contra o Braga em Alvalade, coordenado e bem posicionado. Os bracarenses, a dada altura, pareceram bem mais dominadores e próximos de concretizar as situações de finalização, mas a competência defensiva do Sporting (aliada a uma exibição certeira de Adán) acabou por impedir os visitantes de marcar.

Este sábado, uma coisa é certa: é o 3-4-3 a sair vitorioso na Taça da Liga.

em: https://tribunaexpresso.pt/analise/2021-01-23-A-final-da-Taca-do-3-4-3
Anuncios M
Anuncios M
GALEGO
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3462 em: 23 de Janeiro de 2021, 22:58 »

Para ler ao completo :
https://www.riasbaixastribuna.com/2021/01/portugal-fallo-defensivo-del.html

Portugal. Fallo defensivo del Braga+invento arbitral dan al Sporting la Taça da Liga
"...Todo se conjuró para que el Sporting de Braga no pudiese ganar esta final.

1) El pésimo estado del campo, que frenó notablemente el tipo de juego ofensivo que el Braga tiene. Con un campo seco, visto lo que se vio sobre el embarrado terreno, el SCB hubiera vencido sin problemas al Sporting lisboeta.

2) El árbitro : el designado no tiene categoría ni capacidad para un partido así. Hay dos momentos claves : inventa una falta (falta inexistente) a favor del Sporting, de la que parte un balón en profundidad a la banda derecha por donde entra Pedro Porro y bate cruzado a Mateus. El árbitro obsequia, escandalosamente, con esta falta al Sporting y el regalo se completa con una falta de concentración de la defensa del Braga dejando entrar como Perico por su casa a Porro por esa banda derecha atacante -izquierda de la defensa arsenalista-. Independientemente de la falta inventada y obsequiada al Sporting, están otros errores "humanos" del tal Tiago Martins, también favorables al Sporting, como señalar dos faltitas inexistentes -y seguidas- que acaban por cortar la importante racha de dominio del Braga, en la recta final del partido, en la que el Braga, además de estrellar un remate en el travesaño, embotella al Sporting y crea momentos difíciles a su rival. Pero hay todavía más : el árbitro tenía que haber expulsado a dos de los jugadores hoy en campo del Sporting... bien por acumulación de tarjetas, bien directamente... Fue benévolo Martins, incluso cuando el último Matheus que entró en campo en el Sporting, dió una patada -sin balón y post jugada- en la zona genital a un jugador del Braga..

Resumiendo lo que ha sido esta final de la Taça da Liga : un fallo defensivo unido a un invento arbitral dieron el triunfo al Sporting en una final en la que en ningún momento fue superior al Braga. Estaba claro, con un campo tan calamitoso como el de este sábado en Leiria, que el Braga solamente podría llevarse el trofeo si no fallase en nada, si el árbitro no inventase nada... y acertando luego con la meta rival. Falló el Braga una vez -en la que el árbitro además inventó propiciándose la jugada de balón parado que acabó en gol- y ahí se acabó todo, porque después el buen portero que es Adán y el travesaño de la meta sportinguista se encargaron del resto.

¿Jugó mal el Braga?. No. Pero es evidente que su futbol y su dominio, más que contra el Sporting, se estrellaron contra el barro.

¿Mereció la Copa el Sporting?. Tal y como sucedieron las cosas, lo más justo habría sido llegar a la tanda de penalties. Pero... no cabe duda que la leyenda del entrenador Amorim con la flor en el culo-como en España se dice- se acrecienta cada vez más...

La suerte también cuenta en el fútbol y este Sporting, con un terreno de juego en condiciones y el Braga actual enfrente (y no mermado por aquella media docena de afectados Covid que en la Liga no pudieron jugar en Lisboa) las pasaría canutas para ganar y lo más probable es que acabase derrotado. Pero el fútbol es así... llovió a cántaros hoy en Leiria, el campo tiene un drenaje cascado ya por los años de uso, no tragó el agua y... en la primera parte, mientras no paró de llover, aquello era infame. En la segunda, aunque algunos charcos allí quedaron, aunque el barro afloró... al no llover comenzó la máquina del Braga a funcionar al menos a medio gas y... el Sporting, dominado al completo en la media hora final del partido, acabó pidiendo al árbitro que pitase el final... tras recurrir a faltas y acabar con el provocador Pedro "Pote" expulsado y haciendo como que se negaba a salir del campo... para perder tiempo.

Queda, para mayor ingloria arbitral, el momento -no iba mucho partido transcurrido- en el que Tiago Martins echó del campo con sendas tarjetas rojas a los entrenadores del Braga y del Sporting. Habría dicho algo al cuarto árbitro Carlos Carvalhal, como quejándose de que el banco del Sporting estaba alborotando cada dos por tres para forzar las decisiones arbitrales, para presionar al árbitro... En la cercanía, Amorim escucharía aquello y respondió con un insulto... el árbitro, en vez de ir allí, dar un tirón de orejas y una amarilla a cada técnico, les sacó directamente la roja y los envió a la grada. Esta es la historia que contó uno de los speakers de servicio de la SIC, pero vete tu a saber si la cosa fue así, porque semejantes personajes televisivos no es que sean mucho de fiar, primero porque hoy también mostraron su ignorancia y desconocimiento sobre quien eran algunos de los jugadores del Braga y... hoy también mostraron -al menos uno de ellos- una tirria anti SCB que... ¡válganos Dios!, inconcebible resulta en una estación de televisión que debería estar al servicio de todo el país y no al servicio, o para reírle las gracias al "grande" (?) de turno lisboeta. Pero ya a mitad de semana, en la semifinal Braga-Benfica habían dado motivos estos mismos sujetos para similar escándalo... Increíble que la estación de Carnaxide no tenga para comentar y narrar un partido de fútbol gente mejor dispuesta.

Final de la Taça da Liga 2020-21, el Braga quiso pero no pudo. En partidos así no se puede tener una desconcentración defensiva; hay que asegurarlo todo y más en el caso del Braga, que -por lo general- debe contar siempre con el factor arbitral cuando juega con un "grande" (?) y, en el caso del Sporting enfrente, además con la flor en el culo del entrenador Rubén Amorim. Si además de eso, el campo es un barrizal que frena la rapidez atacante del equipo que, por momentos, mejor hace fútbol en Portugal, entonces... ¡apaga y vámonos!.

Sporting de Braga, 0 - Sporting de Lisboa, 1"
GverreirodoMinho
GverreirodoMinho Equipa Principal
  • *****
  • 3810
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3463 em: 27 de Janeiro de 2021, 11:58 »
Braga condenado a uma jogo à porta fechada por falha em divulgar imagens de videovigilância do estádio
« Última modificação: 27 de Janeiro de 2021, 12:00 por GverreirodoMinho »
Sócio 2669.
rpo.castro
rpo.castro Equipa Principal
  • *****
  • 16561
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3464 em: 27 de Janeiro de 2021, 12:05 »
Braga condenado a uma jogo à porta fechada por falha em divulgar imagens de videovigilância do estádio
Estes camelos da CS podiam dizer a que jogo se refere.
É um com sporting em 2018:
https://www.jn.pt/desporto/braga-vai-recorrer-de-castigo-de-jogo-a-porta-fechada-9832550.html

O Braga cumpriu já mais de uma dezena de jogos à porta fechada e deve cumprir outros tantos. É escolher um.
« Última modificação: 27 de Janeiro de 2021, 15:45 por rpo.castro »
Quem não sente não é filho de boa gente.
andromeda123 Equipa Principal
  • *****
  • 1418
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3465 em: 27 de Janeiro de 2021, 13:30 »
O que eu gostava era de perceber o que se passa com o Gaitan, isso sim. Ninguém no clube fala sobre isso, ninguém pergunta isso ao Carvalhal nas conferências enfim... andamos a enterrar dinheiro num jogador que não rende em nada, agora que teremos grande sobrecarga de jogos era importante ter-mos alguém com o perfil dele, mas se não apareceu neste jogo onde houve muitas mudanças... podemos deduzir que ele não vai jogar mais até ao final do campeonato, tendo feito aqui um ano de férias com um ordenado chorudo!
Arsenalista
Arsenalista Equipa Principal
  • *****
  • 2750
  • Uma cidade, Um clube!
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3466 em: 27 de Janeiro de 2021, 14:10 »
O que eu gostava era de perceber o que se passa com o Gaitan, isso sim. Ninguém no clube fala sobre isso, ninguém pergunta isso ao Carvalhal nas conferências enfim... andamos a enterrar dinheiro num jogador que não rende em nada, agora que teremos grande sobrecarga de jogos era importante ter-mos alguém com o perfil dele, mas se não apareceu neste jogo onde houve muitas mudanças... podemos deduzir que ele não vai jogar mais até ao final do campeonato, tendo feito aqui um ano de férias com um ordenado chorudo!
Suponho que está lesionado tal como o R. Fonte e o F. Moura... Acredito que ele mais que ninguém queira dar o seu contributo à equipa...
De resto, foi um tiro no escuro a sua contratação, se podemos apontar algo será sempre ao departamento médico aquando da sua avaliação clinica antes da sua contratação.
« Última modificação: 27 de Janeiro de 2021, 14:13 por Arsenalista »
Bracara Avgvsta Fidelis et Antiqva
Carvalhux
Carvalhux Equipa Principal
  • *****
  • 2085
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3467 em: 27 de Janeiro de 2021, 14:11 »
Com o Gaitan mais vale admitir o falhanço e despacha-lo. Sempre se poupa uma boa massa.
Anuncios M
Anuncios M
Somos Braga! Equipa Principal
  • *****
  • 2754
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3468 em: 27 de Janeiro de 2021, 14:13 »
Com o Gaitan mais vale admitir o falhanço e despacha-lo. Sempre se poupa uma boa massa.
E achas que ele aceita ir embora sem receber os salários todos?

Enviado de meu POT-LX1 usando o Tapatalk

O verdadeiro adepto vê-se nas derrotas!
100%SCB Equipa Principal
  • *****
  • 8088
  • Quando o erro for só erro o SC Braga será campeão!
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3469 em: 27 de Janeiro de 2021, 14:20 »
Óbviamente que está lesionado e que não veio para cá de férias para receber um ordenado chorudo... senão tinha ido para outro lado qualquer.
Foi uma contratação falhada, há que assumir o erro. No final da época é só não prolongar o contrato.
FORÇA BRAGA
Carvalhux
Carvalhux Equipa Principal
  • *****
  • 2085
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3470 em: 27 de Janeiro de 2021, 14:28 »
Com o Gaitan mais vale admitir o falhanço e despacha-lo. Sempre se poupa uma boa massa.
E achas que ele aceita ir embora sem receber os salários todos?

Enviado de meu POT-LX1 usando o Tapatalk
Provavelmente não, mas pelo contributo que tem dado bem que podia considerar. O importante é não renovar o contrato para a próxima época.
Anuncios G
Pé Ligeiro
Pé Ligeiro Equipa Principal
  • *****
  • 15119
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3471 em: 27 de Janeiro de 2021, 15:47 »
O que eu gostava era de perceber o que se passa com o Gaitan, isso sim. Ninguém no clube fala sobre isso, ninguém pergunta isso ao Carvalhal nas conferências enfim... andamos a enterrar dinheiro num jogador que não rende em nada, agora que teremos grande sobrecarga de jogos era importante ter-mos alguém com o perfil dele, mas se não apareceu neste jogo onde houve muitas mudanças... podemos deduzir que ele não vai jogar mais até ao final do campeonato, tendo feito aqui um ano de férias com um ordenado chorudo!
Suponho que está lesionado tal como o R. Fonte e o F. Moura... Acredito que ele mais que ninguém queira dar o seu contributo à equipa...
De resto, foi um tiro no escuro a sua contratação, se podemos apontar algo será sempre ao departamento médico aquando da sua avaliação clinica antes da sua contratação.

O Gaitan, na época passada, ao serviço do Lille, participou apenas alguns minutos em 4 jogos, num total de 50 minutos, logo à partida, havia indícios de que auqler coisa se passaria com ele...
BRAGA SEMPRE MAIS!
Somos Braga! Equipa Principal
  • *****
  • 2754
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3472 em: 27 de Janeiro de 2021, 18:13 »
O que eu gostava era de perceber o que se passa com o Gaitan, isso sim. Ninguém no clube fala sobre isso, ninguém pergunta isso ao Carvalhal nas conferências enfim... andamos a enterrar dinheiro num jogador que não rende em nada, agora que teremos grande sobrecarga de jogos era importante ter-mos alguém com o perfil dele, mas se não apareceu neste jogo onde houve muitas mudanças... podemos deduzir que ele não vai jogar mais até ao final do campeonato, tendo feito aqui um ano de férias com um ordenado chorudo!
Suponho que está lesionado tal como o R. Fonte e o F. Moura... Acredito que ele mais que ninguém queira dar o seu contributo à equipa...
De resto, foi um tiro no escuro a sua contratação, se podemos apontar algo será sempre ao departamento médico aquando da sua avaliação clinica antes da sua contratação.

O Gaitan, na época passada, ao serviço do Lille, participou apenas alguns minutos em 4 jogos, num total de 50 minutos, logo à partida, havia indícios de que auqler coisa se passaria com ele...
Tu e as tuas meias verdades, descontextualizadas, para tentar que os números distorcidos por ti confirmem as tuas ideias...

O costume, já estamos habituados.

Como moderador devias ter outro tipo de rigor.

Enviado de meu POT-LX1 usando o Tapatalk

O verdadeiro adepto vê-se nas derrotas!
Pé Ligeiro
Pé Ligeiro Equipa Principal
  • *****
  • 15119
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3473 em: 27 de Janeiro de 2021, 19:02 »
O que eu gostava era de perceber o que se passa com o Gaitan, isso sim. Ninguém no clube fala sobre isso, ninguém pergunta isso ao Carvalhal nas conferências enfim... andamos a enterrar dinheiro num jogador que não rende em nada, agora que teremos grande sobrecarga de jogos era importante ter-mos alguém com o perfil dele, mas se não apareceu neste jogo onde houve muitas mudanças... podemos deduzir que ele não vai jogar mais até ao final do campeonato, tendo feito aqui um ano de férias com um ordenado chorudo!
Suponho que está lesionado tal como o R. Fonte e o F. Moura... Acredito que ele mais que ninguém queira dar o seu contributo à equipa...
De resto, foi um tiro no escuro a sua contratação, se podemos apontar algo será sempre ao departamento médico aquando da sua avaliação clinica antes da sua contratação.

O Gaitan, na época passada, ao serviço do Lille, participou apenas alguns minutos em 4 jogos, num total de 50 minutos, logo à partida, havia indícios de que auqler coisa se passaria com ele...
Tu e as tuas meias verdades, descontextualizadas, para tentar que os números distorcidos por ti confirmem as tuas ideias...

O costume, já estamos habituados.

Como moderador devias ter outro tipo de rigor.

Enviado de meu POT-LX1 usando o Tapatalk

Se estivesses atento, terias visto o que escrevi depois desse post sobre o mesmo assunto...


O que eu gostava era de perceber o que se passa com o Gaitan, isso sim. Ninguém no clube fala sobre isso, ninguém pergunta isso ao Carvalhal nas conferências enfim... andamos a enterrar dinheiro num jogador que não rende em nada, agora que teremos grande sobrecarga de jogos era importante ter-mos alguém com o perfil dele, mas se não apareceu neste jogo onde houve muitas mudanças... podemos deduzir que ele não vai jogar mais até ao final do campeonato, tendo feito aqui um ano de férias com um ordenado chorudo!
Suponho que está lesionado tal como o R. Fonte e o F. Moura... Acredito que ele mais que ninguém queira dar o seu contributo à equipa...
De resto, foi um tiro no escuro a sua contratação, se podemos apontar algo será sempre ao departamento médico aquando da sua avaliação clinica antes da sua contratação.

O Gaitan, na época passada, ao serviço do Lille, participou apenas alguns minutos em 4 jogos, num total de 50 minutos, logo à partida, havia indícios de que auqler coisa se passaria com ele...

Estava no tópico errado.
Começando pela última, as pessoas precisam de comer menos queijo ou de ler um pouco mais.
O Gaitán chega ao Lille a 31 de Janeiro de 2020! Não chega no início da época onde esteve no Estados Unidos (onde fez 28 jogos, 4 golos e 2104 minutos!).
No Lille
-Faz 10 minutos logo a 7 de fevereiro
-Suplente NU a 16-fev
-19 minutos a 22-fev
-10 minutos a 1-mar
-11 minutos a 8-mar

Estranhamente não fez mais nenhum jogo pelo Lille após 8 de Março. Em França! Não sei, se calhar o campeonato foi cancelado, mas se calhar é ideia parva.
O 11 de junho Lille comunica que não vai renovar com o Gaitán, face às dificuldades económicas devido a uma crise qualquer, e que desse modo não pode continuar a pagar o salário.

No Braga teve uma lesão muscular, passa a ser opção a 25-Outubro até 5-Nov (leicester). Após isso teve recaída. Faz os 13 minutos com o Boavista e desapareceu.
Poderá ser um problema distinto, mas a probabilidade maior, atendendo à lesão, à idade e aos tempo entre elas, é que a lesão muscular tenha sido mais extensa do que se pensou (ou maior tempo de recuperação) e voltar à competição antes de estar debelada terá agravado a mazela.

Ou então podemos dizer que ele está todo podre e que é por isso que não jogou em 2020, e que tinha já um longo histórico de lesões. Não sei, ficam 2 alternativas.

É verdade, ele no Lille apenas começou em fevereiro e teve de facto um ano de 2019 interessante. Pode ser que se resolva o problema da lesão e como ainda não é velho (32 anos), possa voltar em força. Oxalá!

BRAGA SEMPRE MAIS!
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 27928
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3474 em: 04 de Fevereiro de 2021, 11:21 »
4/2/2021

.
O Jogo




« Última modificação: 04 de Fevereiro de 2021, 11:23 por Lipeste »
Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 27928
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3475 em: 04 de Fevereiro de 2021, 11:22 »
A Bola










Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 27928
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3476 em: 04 de Fevereiro de 2021, 11:22 »
Record








Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 27928
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3477 em: 04 de Fevereiro de 2021, 11:22 »
Jornal de Notícias




Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 27928
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3478 em: 04 de Fevereiro de 2021, 11:23 »
Diário do Minho



Lipeste
Lipeste Equipa Principal
  • *****
  • 27928
  Re: Notícias, comentários relativos ao Plantel/Jogadores/Staff do SC Braga
« Responder #3479 em: 04 de Fevereiro de 2021, 11:28 »
record.pt


Paulinho no Sporting: acordo a dois anos com pagamentos já esta semana

Todos os detalhes do negócio entre leões e Sp. Braga




Record sabe que o Sporting vai pagar a transferência em quatro prestações iguais, de aproximadamente 3 milhões de euros, ao longo de dois anos, sempre nos meses de setembro e fevereiro.

A primeira destas quatro tranches será paga apenas dentro de 7 meses, mas isto não impedirá o Sp. Braga de tentar antecipar já a totalidade do dinheiro através de um financiamento bancário, que de resto é cada vez mais frequente nestas operações.

A contratação de Paulinho só terá impacto significativo nas contas do Sporting a partir da próxima época mas, na verdade, os primeiros valores relativos ao negócio têm de ser liquidados até...

em: https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/sporting/detalhe/paulinho-no-sporting-acordo-a-dois-anos-com-pagamentos-ja-esta-semana?ref=Sp.%20Braga_DestaquesPrincipais
 

Anuncios M