ORGULHO BRACARENSE

Arraial minhoto...São João...foram expressões que ouvimos na passada Terça-feira para comparar a autêntica festa, para comparar a adesão maciça dos bracarenses, em relação à inauguração do novo Estádio Municipal de Braga (EMB).

Foi na verdade um autêntico São João...Milhares e milhares de bracarenses, rumaram, apesar das contingências, dificuldades inerentes a tal evento, a Dume, a fim de assistirem ao evento por qual ansiavam à  tanto tempo.

Aquele dia foi para mim, e estou certo para muitos, de ansiedade, expectativa, emoção, pois afinal de contas iria ser o dia em que iria assistir à inauguração do mais importante evento dos últimos anos na vida do SCB. Iria ser o culminar de uma longa, dolorosa, paciente espera. Aparte as politiquices, o custo, as consequências, este era o momento pelo qual eu ansiava. Era um dos momentos que justificavam a razão de eu ser BRACARENSE.

Quem assistiu à festa, sim porque foi uma festa, a inauguração do EMB, tão cedo não esquecerá tal evento. Não me importou o foguetório, o espectáculo multimédia, o jogo, o jogo de cores...eu senti mais, muito mais!

Era uma cidade inteira ao rubro, estonteante, maravilhada com o aqueles momentos. Estavam ali...e desfrutavam daqueles momentos, deliciavam-se, absorviam todos os minutos que lhes proporcionavam.

Participavam, queriam participar, estavam felizes. Estavam orgulhosos de serem bracarenses...Eu, senti orgulho em ser bracarense. Por momentos como este...Obrigado SCB!!!

O impulso de ir à festa foi enorme...Milhares de adeptos tinham algo em comum. Amar um clube, o SCB.

Se para muitos o SCB é um clube "pequeno", ficou demonstrado que afinal é Enorme. É Enorme em dignidade, em humildade, em valores, que outros esquecem.

Se o SCB não tem projecção mediática, o que importa, ele vive constantemente e bem dentro do coração de todos os adeptos bracarenses.

Se o SCB é ignorado por muitos que não reconhecem o quanto importante é no desporto nacional, é todavia sempre lembrado por outros, os bracarenses que vivem, choram, riem , sentem o SCB.

Se o SCB não tem  vedetas, tem, para os bracarenses, os melhores jogadores do mundo.

Ser do SCB é maravilhoso...

Eu sou do BRAGA !!!
VIVA OS BRACARENSES


José Araújo
02-01-2004